Terça-feira, 9 de Junho de 2009

Não quero ter que perder mais nada

Nem sempre é fácil gerir sentimentos e prioridades.
Nem sempre é fácil saber o que fazer face a determinadas decisões.
Nem sempre é fácil pensar que tudo podia ser diferente "se"...
Os "ses" são sempre muitos.
Costumo dizer que não vale a pena olhar para o passado com pena de não ter sido diferente.
Acho que devemos apenas usar o passado como aprendizagem.
E se ficar saudade, que seja uma saudade positiva, sem rancor, sem arrependimentos...
Invariavelmente é o que acaba por acontecer.
Aprendi a não fazer isso, e cumpro à risca.
Não olho para trás com vontade de voltar.
Aproveito tudo o que de bom posso tirar de lá, e deixo o passado viver em mim como um álbum de recordações, que abro apenas para me deliciar com os momentos que a vida já me permitiu.
Hoje parei para pensar um pouco nisso.
E a primeira coisa que me veio à cabeça foi: se voltasse atrás, faria a mesma coisa?
Pois! Fazia tudo igual. Vivia da mesma maneira, apaixonava-me da mesma maneira, sentia tudo igual.
E, mesmo que a minha cabeça diga que não, que se fizesse de maneira diferente agora seria bem mais fácil, o meu coração diz que sim.
Que arriscava tudo de novo.
Que vivia os momentos que vivi e que nunca pensei viver...
Que sentia da maneira que senti, aprendia que realmente há o tipo de amor incondicional, que as coisas que se lêem nos livros e se vêm nos filmes afinal podem ser reais...
O meu coração diz-me que tudo isso, todos os pequenos momentos, são tesouros.
E que tudo o que passei teria que passar de novo, mesmo podendo fazer diferente.
Porque vale a pena ser feliz.
Mesmo que um dia a felicidade acabe.
Mesmo que chegue a altura em que tudo tem que mudar.
Mesmo que tudo se feche de um momento para outro, valeu a pena deixar que a vida me mostrasse tudo o que há de maravilhoso.
Não digo tudo isto porque me vá perder...
Digo apenas porque reflecti e há dias em que tenho medo.
Tenho medo de perder novamente tudo...
Tenho medo de ter que recomeçar do nada, mais uma vez.
E, acima do medo, não quero.
Não quero ter que perder mais nada.
É inevitável, eu sei.
Todos perdemos tantas coisas ao longo da vida.
E também aprendi a lidar com essas perdas.
Só que estou cansada delas.
Quero, pelo menos uma vez, manter o que me é importante perto de mim.
E estou certa que vou conseguir.
Porque o que tenho de mais importante agora está sempre comigo, no meu coração, na minha cabeça, na minha vida.
E se está comigo não se perde...não pode perder-se.
 

sinto-me: Pensativa

publicado por fairyland às 14:46
link do post | comentar | favorito
6 comentários:
De guiga a 9 de Junho de 2009 às 14:56
Às vezes pensamos demais.
Sei do que falo.
Beijos *.*


De fairyland a 9 de Junho de 2009 às 15:23
Acredito que deves ter razão!!
Beijocas


De FilipeP a 11 de Junho de 2009 às 15:07
Amiguita tu disseste aqui tantas coisas boas para se reflectir que nem sei por onde começar. Mas acima de tudo queria reforçar a tua ideia de que a felicidade é hoje não é amanhã nem foi ontem. Hoje e agora é que precisamos de ser felizes e para isso só temos mesmo que descobrir a felicidade no sitio onde ela pode andar sempre connosco. E esse sitio é dentro de nós.

Beijinhos


De fairyland a 15 de Junho de 2009 às 14:11
Olá lindinho!
Descobri isso mesmo, sabes?
Que está dentro de nós.
Resta-nos deixa-la sair...seja em que situação for!
A patir daí, tudo corre muito mais facilmente.
Um grande beijinho


De Just Moments a 13 de Junho de 2009 às 14:50
E como Tu dizes..
Não tenhas medo..

Afinal:o que tenho de mais importante agora está sempre comigo, no meu coração, na minha cabeça, na minha vida.
E se está comigo não se perde...não pode perder-se.

..

Adorei..

Beijinhos


De fairyland a 15 de Junho de 2009 às 14:13
Olá amiga!!
Que bom ver-e por aqui!!
O medo ás vezes vem, mas eu sou cada vez mais rápida a manda-lo embora!!
Obrigada!! E ainda bem que gostaste!!
Beijoca doce


Comentar post

.Fairyland


. ver perfil

. seguir perfil

. 45 seguidores

.pesquisar

 

.Junho 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Tenho o coração apertadin...

. Diz que há greve!

. Benfica, coisa mai linda

. Piquenos apontamentos

. Capitulo três (eu e os ti...

. Capitulo dois (não me me ...

. Ora buenos dias coisas ma...

. A e tal

. uiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

. É isto

. Weeeeeeeeeeeeeeeeee

. Pois é....a vidinha é ass...

. Mais do mesmo

. Cenas!

. Ah...e os meus meninos, p...

.arquivos

. Junho 2012

. Novembro 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Maio 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

.tags

. todas as tags

.favoritos

. Mulheres de 30...

. Visto da Cantuária

. Perigo: carraças!

. Voar

SAPO Blogs

.subscrever feeds